Publicidade

ARTIGO

Cidade de Boa Vista

Capital do estado de Roraima, Boa Vista é também sua cidade mais populosa, com 326.419 habitantes (2016) distribuídos numa área territorial de 5.687 km². Situada 85 metros acima do nível do mar, seu clima é quente, úmido e bem definido: de abril a setembro predomina a estação das chuvas e de outubro a março o verão. Cidade tipicamente administrativa, concentra as atividades de maior importância para o estado.

Primeiro povoado com características urbanas em Roraima, a colonização de Boa Vista foi iniciada com o garimpo. Isso se deu no século XIX, quando fazendas foram se estabelecendo próximas ao rios da bacia do Rio Branco. O povoado, que inicialmente recebeu o nome de Freguesia de Nossa Senhora do Carmo, tornou-se Município de Boa Vista do Rio Branco em 1890. Em 1944, a cidade tornou-se capital.

Boa Vista é uma cidade plana muito arborizada e traçada de maneira moderna, com avenidas largas que convergem para o centro num formato radial. A arquitetura das áreas mais antigas foi inspirada em Paris da época, mais precisamente no estilo neoclássico dos séculos XIX e XX.

A cultura popular está repleta de lendas e mitos, como pode-se ver na lenda de Macunaíma, uma das mais populares. O folclore local está também muito embasado nessa cultura, desenvolvendo-se por meio das crenças, costumes, música, poesia, provérbios e sabedoria popular. Derivadas principalmente dos povos indígenas, portugueses e nordestinos, foram introduzidas pelos colonizadores e em Boa Vista encontraram suas singularidades, tomando forma própria. Na cidade existe uma grande diversidade de festas, cultos populares, saraus e folguedos infantis que mantêm vivas as tradições mais antigas. Entre as comemorações religiosas, são importantes as novenas de Nossa Senhora do Carmo e de São Sebastião e os arraiais, as conhecidas festas juninas.

O artesanato é muito influenciado pela cultura indígena regional, em especial a cerâmica fabricada pelos índios Macuxis, os cintos de sementes de imbaúba dos Wai-wai e as peneiras de arumã dos Yanomami. Na arte indígena, destacam-se também os trabalhos em madeira e as esculturas em pedra sabão. Isso porque Roraima é um dos estados brasileiros que possui a maior população de índios no Brasil.

A gatronomia de Boa Vista é muito similar à que se encontra em todo o estado de Roraima. Fruto da miscigenação local, a culinária mistura diversos elementos à cultura indígena, muito apreciada pelos visitantes. Dentre os pratos mais conhecidos estão a paçoca com banana, a caldeirada de peixe, a galinha caipira, a mugica de peixe, picadinho de carne de sol na nata do leite com legumes, a torta de carne de sol, a damurida de carne, carne de sol desfiada e acebolada com manteiga do sertão, a torta de peixe bodó e a caldeirada de cabeça de peixe.

Roraima possui forte atividade turística no interior, principalmente voltada para o ecoturismo. Em Boa Vista a atividade turística encontra-se ainda em desenvolvimento. O transporte público é ainda precário e o trânsito um pouco caótico. A população utiliza muito os chamados taxi-lotações, serviço de micro-ônibus em linhas regulares e com tarifas fixas. No entanto, a cidade possui dois modernos terminais rodoviários e o Aeroporto Internacional de Boa Vista.

Guardando traços das cidades pequenas, a economia local gira em torno do Shopping Boa Vista e da mais importante área comercial, localizada no centro. Diferente de outros grandes centros urbanos, não existe um polo comercial em cada bairro e o centro acaba atendendo a todos. As indústrias estão localizadas especialmente no Distrito Industrial Governador Aquilino Mota Durte e, entre as suas atividades, destacam-se especialmente a produção de sabão, refrigerante e arroz.

Fonte:

Prefeitura Municipal de Boa Vista

IBGE

by The Cities

Mapa

Publicidade

The Cities

O The Cities é um Portal de conteúdo estruturado que atua de forma integrada na prestação de serviços de informações confiáveis, precisas e atualizadas nas áreas de economia, cultura, turismo, história, lazer, meio ambiente, saúde, urbanismo, poder público, cotidianos e gerais.

Informações

Como utilizar o Portal

Política de Privacidade

Aviso Legal

Quem Somos

Fale Conosco

Trabalhe conosco

Receba os conteúdos
do Portal The Cities:

Quero receber

© 2014 - 2021 The Cities Todos os direitos reservados

© 2014 - 2021 The Cities - Sua cidade em evidência. Todos os direitos reservados

aguarde, processando...