Publicidade

ARTIGO

Cidade de São Mateus do Sul

São Mateus do Sul surgiu como muitos outros municípios paranaenses, derivando de pousos utilizados por tropeiros e bandeirantes no século XVIII. Em 1769, o tenente Bruno da Costa Filgueiras e mais 25 soldados foram os primeiros a pisar nessas terras, enquanto se dirigiam a Tibagi, porém a colonização só foi impulsionada no século XIX.

Nessa época, imigrantes espanhóis tentaram formar uma colônia no local, mas não se adaptaram. Foi somente em 1855, com a chegada dos alemães em busca de petróleo, que o povoado começou efetivamente a ser formado. Anos mais tarde, chegaram os imigrantes poloneses e ucranianos interessados em áreas para a agricultura. Após ser denominada como colônia Porto Santa Maria e Maria Augusta, a localidade recebeu o nome de São Mateus. Baseando sua economia nos ciclos da madeira e erva-mate, foi com a navegação a vapor pelo rio Iguaçu que o povoado se desenvolveu, tornando-se um dos principais portos da região.

Em 2 de abril de 1908, foi elevado à município, tendo Evaldo Gaenshy como primeiro prefeito, qual foi instalado em 21 de setembro do mesmo ano. Em 1943, a localidade passa a se chamar São Mateus do Sul.

Localizado na região sudeste do estado do Paraná, o município possui área total de 1.341,714 km², fazendo limite com as cidade paranaenses de Antônio Olinto, Mallet, Paulo Frontim, São João do Triunfo, Rebouças e Rio Azul, e as catarinenses, Canoinhas e Três Barras. Distante 153 km de Curitiba, seu clima é classificado como subtropical úmido mesotérmico (verões com temperaturas acima de 22°C e invernos com muitas geadas) e sua hidrografia é representada pelos rios Iguaçu, Potinga e Negro. Em 2016, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, contabilizou 45.000 habitantes.

Em sua economia, o destaque ocorre para a indústria, com a presença de uma usina de xisto da Petrobrás e mais de 100 fábricas de diferentes ramos como a ervateira, de produtos alimentícios e madeira. Na agropecuária, as produções de batata, milho, erva-mate, soja e feijão, e as criações de aves, bovinos e suínos são os principais geradores de renda da localidade. Dentro do setor de serviços, o turismo apresenta uma elevada importância, principalmente nos segmentos histórico (memórias do ciclo da navegação fluvial, igrejas e outras edificações) e de negócios. 

Fonte:

Portal online da Prefeitura Municipal de São Mateus do Sul;

IPARDES

Portal online do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE.

by The Cities

Mapa

Publicidade

Publicidade

The Cities

O The Cities é um Portal de conteúdo estruturado que atua de forma integrada na prestação de serviços de informações confiáveis, precisas e atualizadas nas áreas de economia, cultura, turismo, história, lazer, meio ambiente, saúde, urbanismo, poder público, cotidianos e gerais.

Informações

Como utilizar o Portal

Política de Privacidade

Aviso Legal

Quem Somos

Fale Conosco

Trabalhe conosco

Receba os conteúdos
do Portal The Cities:

Quero receber

© 2014 - 2019 The Cities Todos os direitos reservados

© 2014 - 2019 The Cities - Sua cidade em evidência. Todos os direitos reservados

aguarde, processando...