Publicidade

ARTIGO

Cidade de Floresta

A criação da cidade de Floresta ocorreu na década de 1940, através da chegada da Companhia de Terras do Norte do Paraná, que foi responsável pela colonização de territórios na região norte e noroeste do Estado. Logo depois da chegada da instituição no lugarejo, muitos lotes de terras passaram a ser vendidos para famílias que procuravam terrenos para morar.

O primeiro morador da região se chamava Francisco Silveira da Silva, conhecido como Chico Leiteiro. Ele foi o responsável pela abertura de uma estrada que ligava o município de Campo Mourão até a cidade de Maringá. Com isso, muitas pessoas foram se estabelecendo no território, formando um pequeno povoado chamado Quilômetro Doze. Assim, a economia do lugarejo começou a influir através da abertura de casas de comércio e da plantação de cafezais. A terra fértil da região e o plantio do café foram os principais fatores que atraíram imigrantes de diversas regiões do estado e do país para o local.

Por volta da década de 1950, o povoado transforma-se em um vilarejo chamado Vila Floresta, que surgiu através de um empreendimento de iniciativa privada montado pelo comerciante japonês, Sr. Kimura. As indústrias de sua família, denominadas Serraria Floresta e Cerâmica Floresta, foram fundamentais para o desenvolvimento do núcleo urbano da localidade. O nome da pequena vila foi uma homenagem da família Kimura à Fazenda Floresta, lugar que os abrigou quando eles desembarcaram no Brasil em 1920. No final dos anos 1950, a produção cafeeira e o comércio estavam crescendo rapidamente. Dez anos mais tarde, o lugarejo recebe o título de município, desmembrando-se da cidade de Maringá.

Com cerca de 158 km² de extensão e 6,5 mil habitantes, Floresta tem a sua economia baseada na agropecuária através de culturas como a soja, o milho e a canola. Porém, em razão da mecanização nas plantações, a saída dos florestenses da região rural para a urbana tornou-se frequente.

Entre as atrações turísticas do município está a fonte de água do profeta São João Maria, conhecida por suas qualidades medicinais, que atrai diariamente moradores de todas as regiões do Estado. Há pessoas que vão até a fonte para orar e outras para consumir a água como remédio.

Fonte:

Prefeitura Municipal de Floresta

IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Confederação Nacional dos Municípios

FERREIRA. João Carlos V. Municípios paranaenses – Origens e Significados de seus nomes. Curitiba: Secretaria de Estado da Cultura do Paraná, 2005.

by The Cities

Mapa

Publicidade

Publicidade

The Cities

O The Cities é um Portal de conteúdo estruturado que atua de forma integrada na prestação de serviços de informações confiáveis, precisas e atualizadas nas áreas de economia, cultura, turismo, história, lazer, meio ambiente, saúde, urbanismo, poder público, cotidianos e gerais.

Informações

Como utilizar o Portal

Política de Privacidade

Aviso Legal

Quem Somos

Fale Conosco

Trabalhe conosco

Receba os conteúdos
do Portal The Cities:

Quero receber

© 2014 - 2019 The Cities Todos os direitos reservados

© 2014 - 2019 The Cities - Sua cidade em evidência. Todos os direitos reservados

aguarde, processando...