Publicidade

ARTIGO

Gestão pública em Colombo

O poder público em Colombo, assim como nos demais municípios brasileiros, é dividido em poder legislativo, executivo e judiciário, cabendo aos representantes eleitos pelo povo legislar, elaborar e administrar ações políticas que venham de encontro ao desenvolvimento e crescimento do município. Em Colombo, o número de eleitores da cidade é de cerca de 127.500 eleitores para uma população de pouco mais de 245 mil habitantes.

A administração pública municipal de Colombo é formada por um conjunto de órgãos institucionais, materiais, financeiros e humanos destinados à execução das decisões do governo local. O município, sob a administração pública de representantes do povo, tem como objetivo primordial colaborar com a construção de uma sociedade democrática, justa e solidária, garantindo a efetividade dos direitos da pessoa e a igualdade de todos perante a lei, promovendo o bem-estar e o desenvolvimento da comunidade local, sem qualquer distinção preconceituosa. Além do mais, cabe ao poder público de Colombo prestar de forma eficiente os serviços administrativos à toda população. É também função da governança municipal o ordenamento territorial, de modo que a integração urbana esteja atrelada à qualidade de vida da população.

As administrações regionais e políticas de Colombo são três: a Regional Osasco, a Regional Maracanã e a Sede da Prefeitura Municipal. A função de cada regional é a mesma, ser a estrutura física de onde o poder municipal é executado, com a característica de serem descentralizadas, pois a administração se estende a diversos bairros, atendendo melhor a população.

O poder legislativo cabe à Câmara Municipal de Colombo, através das ações de seus 13 vereadores. Para a gestão política de 2009-2012, os representantes do povo, na Câmara de Vereadores são: Gilberto Taborda Ribas, Joel Melo Cordeiro, Eurico Braz de Bonfim, Joaquim Gonçalves de Oliveira, Gerson Augusto Baudy, Angelo Betinardi, Hélder Luiz Lazarotto, José Renato Strapasson, Nivaldo Paris, Onéias Ribeiro de Souza, Rubens Gregório Marques, Severino Barbosa da Silva, Waldirei Bueno de Oliveira. Eles são responsáveis em discorrer, votar e aprovar ou não, as propostas elaboradas tanto pelo Prefeito, como pelas comissões permanentes do município. Cabe aos vereadores, como representantes diretos do povo, legislar para esses.

Cabe ao poder executivo, representado pelo prefeito eleito, trabalhar a favor do desenvolvimento do município, seja através de obras ou desenvolvendo projetos e melhorias para a cidade. Para que sejam efetivadas essas ações é preciso que sejam aprovadas pela Câmara e em seguida sancionadas pelo Prefeito, que só então, poderá dar início à sua execução. Fiscalizar o cumprimento do orçamento estipulado, por exemplo nas obras públicas, é função do judiciário, que faz o controle dos gastos municipais.

A função do prefeito e de sua gestão política é ser responsável pela Prefeitura de Colombo, além de coordenar as secretarias municipais e propor ideias a serem aprovadas pela Câmara Municipal. Assim, auxiliando o prefeito, são escolhidos os seus secretários municipais para atuarem nas seguintes secretarias: ação social, administração, agricultura, educação, cultura e esportes, fazenda, indústria e comércio, meio ambiente, obras e viação, planejamento, saúde, urbanismo e turismo.

Em Colombo, o poder judiciário é exercido pelos seguintes tribunais e cartórios: Cartório de registro civil, títulos e documentos do Distrito de Colombo, Cartório de registro de imóveis, Cartório distrital, Justiça do Trabalho (junta de conciliação e julgamento), e os demais magistrados que compõem o Foro Regional de Colombo (Comarca da Região Metropolitana de Colombo).

O prefeito de Colombo é José Antonio Camargo, do PSC (Partido Social Cristão). Camargo foi reeleito pela população de Colombo, com 57,17% dos votos válidos, contra 42,83% da candidata deputada Beti Pavin (PMDB). Com 56.939 votos, contra 42.657, J. Camargo continuará à frente da Prefeitura de Colombo na gestão 2009-2012. A vice-prefeita é Rose Cavalli (PSDB). O prefeito e o vice-prefeito são eleitos simultaneamente para sua legislatura, por eleição direta, para um mandato de quatro anos, com direito a um reeleição consecutiva.

Os demais partidos que compõem a Câmara Municipal e a administração pública municipal, cujos ideais são defendidos por seus representantes, são: PP (Partido Progressista), PSDB (Partido da Social Democracia Brasileira), PV (Partido Verde), PTB (Partido Trabalhista Brasileiro), PcdoB (Partido Comunista do Brasil), PMDB (Partido do Movimento Democrático Brasileiro), PTN (Partido Trabalhista Nacional), PR (Partido Republicano), DEM (Democratas).

Fonte: Portal Online da Prefeitura Municipal de Colombo.

Portal Online da Câmara Municipal de Colombo.

by The Cities

Pesquisar por

Pesquisar por

Publicidade

Publicidade

The Cities

O The Cities é um Portal de conteúdo estruturado que atua de forma integrada na prestação de serviços de informações confiáveis, precisas e atualizadas nas áreas de economia, cultura, turismo, história, lazer, meio ambiente, saúde, urbanismo, poder público, cotidianos e gerais.

Informações

Como utilizar o Portal

Política de Privacidade

Aviso Legal

Quem Somos

Fale Conosco

Trabalhe conosco

Categorias

Câmara Municipal

Receba os conteúdos
do Portal The Cities:

Quero receber

© 2014 - 2019 The Cities Todos os direitos reservados

© 2014 - 2019 The Cities - Sua cidade em evidência. Todos os direitos reservados

aguarde, processando...