Publicidade

ARTIGO

Cidade de Altamira

A cidade de Altamira é considerada o maior município do mundo em extensão, com 159.533 km². Países como Portugal, Bélgica e Holanda caberiam dentro do seu espaço territorial. Apesar da sua dimensão, Altamira tem uma população de apenas 109.938 habitantes, de acordo com estimativas do IBGE 2016, e desse total 75% moram na zona urbana. Sua localização, distante da capital paraense, fica no sudoeste do Estado. Altamira limita-se com o município de Vitória do Xingu, Brasil Novo, Medicilândia, Uruará, Placas, Rurópolis, Senador José Porfírio, São Félix, Itaituba, Novo Progresso e Trairão, e com o Estado de Mato Grosso.

A cidade, polo de sua região, está situada às margens do Rio Xingu e é cortada pela Rodovia Transamazônica, tornando-se uma espécie de capital regional. Sua economia gira em torno da agricultura, pecuária e agroindústria. A zona rural é grande produtora de grãos e de gado, e a produção agrícola ganha destaque com produtos como o cacau, que em 2008 teve sua produção de 2.444 toneladas colhidas em uma área de três mil hectares. Já a pecuária é uma das forças motoras da cidade, com um rebanho bovino de mais de 400 mil cabeças e uma produção anual de mais de três milhões de litros de leite.

A origem do município está diretamente ligada ao pioneirismo da presença dos missionários da Companhia de Jesus no rio Xingu, que introduziram os primeiros traços de civilização na região. Após a expulsão dos jesuítas, os Capuchos da Piedade, dos frades Ludovico e Carmelo de Mazzarino, deram início a um povoamento que mais tarde iria se transformar na vila de Altamira. A construção de uma estrada da foz do rio Tucuruí até o povoado acarretou no efetivo desenvolvimento da localidade. Em 1874, foi criado o município de Souzel, de onde Altamira fez parte. Contudo, seu território necessitava de novas divisões administrativas devido à sua grande extensão. A cidade foi desmembrada, dando origem ao município de Xingu, incorporando Altamira, que passou à sede do novo município. Em 1911, o poder público decidiu criar o município de Altamira, passando Souzel a ser distrito dele.

A cultura altamirense é marcada por sua culinária típica, que é formada por pratos indígenas e que, mesmo contra alguns ambientalistas, possui um cardápio diferente, composto por iguarias como o jabuti no leite da castanha, a paca no tucupi e o peixe moqueado. Essa variedade só pode ser encontrada nas casas dos antigos moradores da região ou em restaurantes especializados que, além da culinária indígena, possuem pratos com uma grande variedade de peixes encontrados na própria região. Já os quitutes juninos, delícias apreciadas por visitantes e moradores, são encontrados em feiras e festejos da época.

Sua grande variedade de frutas também dá um sabor especial à culinária, compondo sobremesas como os doces e compotas de cupuaçu, e bombons de castanha-do-pará. Nas feiras e supermercados é possível encontrar frutas como o energético açaí, que pode ser tomado como suco ou como um pirão, acompanhado de farinha dágua, tapioca, peixe frito ou camarão.

O município, embora não contando como outras regiões do país, com monumentos históricos para serem vistos e admirados, nem por isso deixa de apresentar pontos turísticos admiráveis. Altamira tem o verde das matas, a diversidade da fauna, belos igarapés, a herança cultural dos indígenas, uma culinária exótica e os deliciosos frutos típicos da Amazônia, como o Açaí, o Cupuaçu, a Castanha-do-Pará e a Pupunha.

De tal modo, dentre seus atrativos naturais, Altamira possui 21 quedas d’água que demonstram toda sua beleza natural. Em sua formação cultural, compreende a influência de caboclos, mamelucos, cafuzos, nordestinos, e sulistas, vindos durante o período de colonização da região da transamazônica, encantados com a exuberância do Xingu e as riquezas regionais existentes. Oferece tal riqueza, materialmente, na Praça do Presidente, onde encontra-se o monumento inaugural da Transamazônica e no Mercado Municipal, por exemplo.

Fonte:

Prefeitura Municipal de Altamira.

IBGE

by The Cities

Mapa

Publicidade

The Cities

O The Cities é um Portal de conteúdo estruturado que atua de forma integrada na prestação de serviços de informações confiáveis, precisas e atualizadas nas áreas de economia, cultura, turismo, história, lazer, meio ambiente, saúde, urbanismo, poder público, cotidianos e gerais.

Informações

Como utilizar o Portal

Política de Privacidade

Aviso Legal

Quem Somos

Fale Conosco

Trabalhe conosco

Receba os conteúdos
do Portal The Cities:

Quero receber

© 2014 - 2020 The Cities Todos os direitos reservados

© 2014 - 2020 The Cities - Sua cidade em evidência. Todos os direitos reservados

aguarde, processando...