Publicidade

ARTIGO

Programa Nacional de Florestas

O Brasil figura entre os países mais importantes do mundo em termos de produção e consumo de produtos de origem florestal. A siderurgia, indústria de papéis e embalagens e a construção civil são exemplos de importantes atividades da economia brasileira que possuem uma grande dependência dos produtos floreais.

Com o intuito de preservar esse recurso, foi instituído, por meio do Decreto no 3.420 de 2000, o Programa Nacional de Florestas (PNF), instrumento de política ambiental criado pelo então presidente da República Fernando Henrique Cardoso.

Constituído de projetos a serem executados de forma participativa e organizada pelos governos federais, estaduais, distritais e municipais e também a sociedade civil organizada, o PNF tem como objetivo articular as políticas públicas em seus diversos setores, buscando promover o desenvolvimento econômico em harmonia com a conservação das florestas brasileiras.

Para atingir tal objetivo, o Programa, sob a coordenação do Departamento de Floresta (DLFOR) do Ministério do Meio Ambiente, busca estimular o uso sustentável de florestas nativas e plantadas; fomentar as atividades de reflorestamento, notadamente em pequenas propriedades rurais; recuperar florestas de preservação permanente, de reserva legal e áreas alteradas; apoiar as iniciativas econômicas e sociais das populações que vivem em florestas; reprimir desmatamentos ilegais e a extração predatória de produtos e subprodutos florestais, conter queimadas acidentais e prevenir incêndios florestais; promover o uso sustentável das florestas de produção, sejam nacionais, estaduais, distritais ou municipais; apoiar o desenvolvimento das indústrias de base florestal; ampliar os mercados interno e externo de produtos e subprodutos florestais; valorizar os aspectos ambientais, sociais e econômicos dos serviços e dos benefícios proporcionados pelas florestas públicas e privadas e estimular a proteção da biodiversidade e dos ecossistemas florestais.

Entre as ações desenvolvidas pelo Programa Nacional de Florestas no âmbito do DLFOR destacam-se a Unidade de Apoio no Nordeste (UAP-NE), a Gestão Florestal Compartilhada, o NFP Facility – Brasil, as Diretrizes Voluntárias para Florestas Plantadas, a ComissãoNacional de Florestas (CONAFLOR) e o Portal da Gestão Florestal.

A Unidade de Apoio no Nordeste, atuando com sede na Superintendência do IBAMA em Natal-RN, tem por objetivo promover o desenvolvimento sustentável das florestas dessa região. Para tanto, atua como elo de ligação entre o Programa Nacional de Florestas e as instituições regionais e locais, promovendo o acesso dessas instituições a recursos e programas nacionais e internacionais. Além disso, a Unidade auxilia diversas instituições na assistência técnica, ajuda na formulação e publicação de material de difusão e nos processos de capacitação dos mais variados setores sociais.

A Gestão Florestal Compartilhada refere-se à descentralização da administração dos recursos florestais, os quais tornam-se objetos de políticas públicas nas esferas da União, Estados, Municípios e Distrito Federal. Esse modelo de gestão proporciona uma maior proximidade da administração pública florestal com a realidade local, com grandes oportunidades de redução de custosdos procedimentos relacionados aolicenciamento das atividades do setor.

O NFP Facility, por sua vez, é um mecanismo da Fundação das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO), que busca apoiar os Programas Florestais Nacionais. Seu principal objetivo é apoiar os países nos processos de planejamento e implementação de políticas florestais que abordem, de maneira efetiva, as necessidades locais e as prioridades nacionais, e reflitam os princípios internacionalmente acordados dos programas florestais nacionais. Atuando no contexto da descentralização da Gestão Florestal Compartilhada, o NFP Facility – Brasil tem como objetivo fortalecer as instituições estaduais corresponsáveis pela gestão florestal em parceria com o Programa Nacional de Florestas, promovendo também a participação social para que os entes federados possam, por meio de suas políticas estaduais de florestas, fomentar o desenvolvimento sustentável do setor florestal em escala local, com prioridade para as regiões Norte e Nordeste visto suas maiores necessidades de investimentos em estruturação e capacitação.

As Diretrizes Voluntárias para Florestas Plantadas representam um processo conduzido pela FAO e pelo Programa Nacional de Florestas com objetivo de gerar princípios e diretrizes que ajudem a garantir que os aspectos cultural, social, ambiental e econômico sejam levados em conta e incorporados ao manejo das florestas plantadas de uma maneira equilibrada. Já a ComissãoNacional de Florestas caracteriza-se como diretriz para a implementação das ações do PNF e permite articular a participação dos diversos grupos de interesse no desenvolvimento das políticas públicas do setor florestal brasileiro.

Por fim, o Portal da Gestão Florestal é um instrumento que objetiva integrar e unificar informações, garantindo transparência e publicidade sobre a gestão florestal no país. Além disso, ele permite o acompanhamento dos programas e ações desenvolvidas por instituições públicas responsáveis pela gestão de florestas.

Fonte: Decreto no 3.420, de 20 de abril de 2000

Portal online do Ministério do Meio Ambiente

Portal online da Universidade Estadual Paulista

by The Cities

ARTIGOS RELACIONADOS

Conservação ambiental no Brasil

A conservação ambiental contempla a relação com a natureza, através do uso racional de seus recursos pela espécie humana. Seu pensamento é ...

Projeto Caravana Ecológica

O Projeto Caravana Ecológica nasceu em Londrina no Paraná com o objetivo de combater o tráfico de animais silvestres. Atuando através de ...

Projeto Quelônios da Amazônia

O Projeto Quelônios da Amazônia (PQA) visa proteger as espécies de tartarugas que ocorrem na região, estimulando o manejo do animal, oriundo de ...

Projeto Tamar

O Projeto Tamar atua na pesquisa, conservação e manejo das cinco espécies de tartarugas marinhas que ocorrem no Brasil. Como uma das principais ...

Publicidade

The Cities

O The Cities é um Portal de conteúdo estruturado que atua de forma integrada na prestação de serviços de informações confiáveis, precisas e atualizadas nas áreas de economia, cultura, turismo, história, lazer, meio ambiente, saúde, urbanismo, poder público, cotidianos e gerais.

Informações

Como utilizar o Portal

Política de Privacidade

Aviso Legal

Quem Somos

Fale Conosco

Trabalhe conosco

Receba os conteúdos
do Portal The Cities:

Quero receber

© 2014 - 2019 The Cities Todos os direitos reservados

© 2014 - 2019 The Cities - Sua cidade em evidência. Todos os direitos reservados

aguarde, processando...