Publicidade

ARTIGO

Cidade de Barcelos

Bastante similar às outras cidades amazonenses, o município de Barcelos também remete-se aos aldeamentos indígenas e na introdução da cultura dos colonizadores. Sua formação inicia-se no território dos índios Manau, chamada Mariuá, localizada no médio Rio Negro. Tal característica também é encontrada em várias cidades do Amazonas, como Manaus e Manacapuru, onde o núcleo das populações estabelecia-se nas proximidades dos rios. Isso porque essa localização permitia não apenas o acesso à alimentação ( na pesca, nos animais que ali caçavam, no terreno fértil para agricultura) como também era um ponto estratégico, transformando-se em uma via fluvial.

O crescimento do município foi comprovado em 1758, quando a aldeia foi elevada à categoria de vila, com o nome de Barcelos, e se transformou na primeira capital da Capitania de São José do Rio Negro, atual estado do Amazonas. Entretanto, apresentando um notável desenvolvimento através da implantação da navegação à vapor por exemplo, a cidade de Manaus é que recebe o título de capital em 1856. Após tal evento, o Amazonas e a nova capital recebem os nomes atuais estabelecendo, assim, a maioria dos territórios que ainda fazem parte do estado.

Atualmente, Barcelos conta com um contingente de 27.589 habitantes (2016) e representa uma área correspondente à 7,7973% do estado do Amazonas. Sua área de 122.450,769 km compreende 3.1784% do território do estado, e 1.4415% do Brasil, representando o maior município do Amazonas Situa-se à margem direita do Rio Negro, distante à 405 km de Manaus e à 496 km, se for por via fluvial. Sua economia conta com produção agrícola, baseada nas culturas de banana, arroz e mandioca, mas não supera as necessidades do município, que importa a maioria dos gêneros alimentícios que possui.

A grande extensão da cidade também abriga atrativos muito interessantes como o maior arquipélago do mundo com cerca de 700 ilhas, chamado Mariuá, que é conhecido internacionalmente pelo comércio de peixe ornamentais e pela pesca esportiva do tucunaré. No seu território também estão localizados o Parque Nacional de Jaú, o Parque Estadual do Araçá e a Preservação Ambiental de Mariuá. Localiza-se, ainda na região, a cachoeira do El Dorado, considerada a maior queda de água livre do Brasil com quase 400m de altura. Assim como, o abismo Guy Collet, considerado a caverna mais profunda do país.

Outras possibilidades de entretenimento encontram-se também em sua cultura, disponibilizando diversos festivais que possibilitam ao visitante o contato com elementos de sua tradição, como o Festival do Peixe Ornamental que acontece no último final de semana de janeiro; os Festejos de Santo Alberto, que é a festa religiosa mais tradicional do município; o Festival de Verão, que acontece no final do mês de novembro; e a Pesca esportiva de Tucunaré. Essas festas partem da história e do grandioso desenvolvimento territorial, que permitem o conhecimento de vários aspectos da cultura barcelense.

Fonte:

Prefeitura Municipal de Barcelos

IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

by The Cities

Mapa

Publicidade

The Cities

O The Cities é um Portal de conteúdo estruturado que atua de forma integrada na prestação de serviços de informações confiáveis, precisas e atualizadas nas áreas de economia, cultura, turismo, história, lazer, meio ambiente, saúde, urbanismo, poder público, cotidianos e gerais.

Informações

Como utilizar o Portal

Política de Privacidade

Aviso Legal

Quem Somos

Fale Conosco

Trabalhe conosco

Receba os conteúdos
do Portal The Cities:

Quero receber

© 2014 - 2020 The Cities Todos os direitos reservados

© 2014 - 2020 The Cities - Sua cidade em evidência. Todos os direitos reservados

aguarde, processando...