Publicidade

CASTRO

Turismo em Castro

Localizado na região dos campos gerais paranaenses, o município de Castro tem a sua história dentro da história do Paraná. Antiga parada para pouso e refeição na rota dos tropeiros que iam e voltavam do norte ao sul do país, a localidade passou a receber uma grande quantidade de imigrantes nos século XVIII e XIX e desenvolver a agricultura e a pecuária, tornando-se referência na produção de laticínios. Essa história, as manifestações culturais de seu povo e a geografia do território em que foi fundado, transformam o município em um polo de atração turística, nos segmentos cultural e de ecoturismo.

No turismo cultural, a relação de Castro com o período do tropeirismo e a preservação da memória de seus colonizadores estão evidentes nos museus, edificações históricas e monumentos. Dentre os museus, os mais procurados são o Museu do Tropeiro, o do Imigrante Holandês (com um moinho de aproximadamente 37 m de altura) e do Imigrante Alemão. As edificações contam com a Estação Ferroviária, o Castelo da Montanha e o Teatro Bento Mossurunga (antigo Cine Marajá). Ainda como forma de homenagear suas origens, Castro possui o Monumento aos Tropeiros, a Ponte Manoel Ribas e a Ponte Férrea. Além disso, o prato típico do município, denominado de Castropeiro, também busca retratar aqueles que colonizaram a região.

No ecoturismo, o visitante tem a oportunidade de conhecer o Canyon do Guartelá ou do Rio Iapó (6º maior do mundo), o Parque Municipal do Maracanã e o Estadual do Caxambu. No centro de Castro estão ainda o Parque Municipal Prefeito Dr. Ronie Cardoso e o Parque Municipal Dr. Libânio Estanislau Cardoso. Além desses, há as praças SantAnna do Iapó (marco zero de Castro), Manoel Ribas (a mais antiga), João Gualberto, Pedro Kaled, Indalécio de Macedo, Antônio Ramim Silveira, Duque de Caxias e a Praça do Rosário. O município possui também alguns atrativos menos procurados, mas que valem a pena fazer uma visita. Esse é o caso dos morros do Cristo, do Canha, da Tartaruga, do Agudinho, do Charola ou Chapéu, Marumbi, do São Francisco e Marumbi; das serras de São Joaquim e do Apon; da cachoeira do Lageado, a Trilha do Arboreto, o encontro dos rios Socavão e Ribeira, o Salto da Cotia, as quedas dágua Lágrimas de Santa Clara, do Rio Guararema (com corredeiras) e do Pulo; e das grutas da Caveira e Arco de Pedra, do Pinheiro Seco, da Lagoa dos Alves e Olhos dÁgua.

Já no turismo religioso, a principal atração é a Igreja Matriz de SantAna (construída do início do século XVIII). Ainda, na área de eventos e negócios, Castro apresenta durante todo o ano eventos ligados à imigração alemã, holandesa e japonesa. Exemplos dessas festas são o Shinnenenkai e o Undokai, a Oranjefeest, a Sinterklaas, o Molenfeest e a Noite Cultural Alemã (julho).

Com relação à sua infraestrutura turística, Castro possui doze estabelecimentos hoteleiros, nove restaurantes e um local para a realização de eventos, o Moinho Castrolanda e, desde sua inclusão no circuito da Rota dos Tropeiros em 2007, o município transformou-se em um dos mais representativos dentro do turismo histórico e cultural do Paraná.

Pesquisar por

Publicidade

Publicidade

Pesquisar por

Publicidade

Publicidade

The Cities

O The Cities é um Portal de conteúdo estruturado que atua de forma integrada na prestação de serviços de informações confiáveis, precisas e atualizadas nas áreas de economia, cultura, turismo, história, lazer, meio ambiente, saúde, urbanismo, poder público, cotidianos e gerais.

Informações

Como utilizar o Portal

Política de Privacidade

Aviso Legal

Quem Somos

Fale Conosco

Trabalhe conosco

Categorias

Histórico

Receba os conteúdos
do Portal The Cities:

Quero receber

© 2014 - 2018 The Cities Todos os direitos reservados

© 2014 - 2018 The Cities - Sua cidade em evidência. Todos os direitos reservados

aguarde, processando...